LIDERANÇA COLABORATIVA TRANSFORMA ORGANIZAÇÕES

LIDERANÇA COLABORATIVA TRANSFORMA ORGANIZAÇÕES

Liderança colaborativa é o futuro? Refletindo sobre isso e levando em consideração a experiência que possuo como consultor em empresas de diferentes portes e segmentos, posso afirmar que a liderança colaborativa é o presente!

Trago neste artigo algumas dicas sobre como iniciar esta jornada!

Em poucas palavras, a Liderança Colaborativa está relacionada diretamente a pessoas trabalhando juntas, com um propósito comum, para criar algo que ninguém poderia criar ou fazer sozinho.

Estamos chegando em 2020, e percebo que está ficando cada vez menor o espaço no mercado para “líderes” com mentalidade retrógrada e egoísta, os quais ainda gerenciam por intimidação, metas abusivas e sem uma visão colaborativa.

Qual é o resultado disso tudo?

  • Profissionais infelizes, desmotivados para acordarem todas as manhãs e irem para o seu emprego;
  • Grande rotatividade de profissionais, prejudicando o desenvolvimento de equipes e a manutenção do conhecimento criado dentro da empresa;
  • Profissionais doentes, consequentemente maior custo com afastamentos e demissões dentro das organizações.

Sabia que, segundo a OMS (Organização Mundial de Saúde), até 2020, a depressão será a maior causa de afastamento do trabalho no mundo? E o ambiente de trabalho pode ser um grande vilão…

Isso sem falar nos problemas pessoais que todo este cenário desencadeia na vida do profissional, por exemplo, brigas, acidentes, vícios, divórcios, impacto direto nos filhos, problemas financeiros etc.

Geralmente, as empresas se surpreendem ao fazer a conta de quanto gastam com profissionais desmotivados, demissões e afastamentos por doenças. O custo é altíssimo! Não adianta bater as metas sendo que há este custo escondido por aí. As margens financeiras são reduzidas, podendo chegar até o prejuízo no balanço final.

Conforme publicado no site da revista Exame em setembro/2017, um estudo de 2016 da London School of Economics, revelou que prejuízos relacionados à produtividade causados por depressão chegam a 246 bilhões de dólares por ano em todo o mundo. No Brasil, esse valor alcança 63,3 bilhões de dólares, menor apenas do que nos Estados Unidos, que têm uma perda anual de 84,7 bilhões de dólares. Por aqui, a doença é a terceira maior causa de afastamentos pelo INSS.

Você conhece alguma empresa que não faz esta conta? Como é o clima organizacional? As pessoas confiam umas nas outras?

Há grandes vantagens em um ambiente colaborativo, entre elas:

  • Profissionais saudáveis, alinhados a um propósito comum e remando para o mesmo lado;
  • Atração de talentos, retenção e maior engajamento entre os profissionais;
  • Redução de custos com afastamentos e rotatividade de profissionais;
  • Equipes de alta performance, permanecendo assim em curto, médio e longo prazo.

É desafiador construir uma cultura colaborativa, porém totalmente possível. Uma empresa saudável precisa de pessoas saudáveis. É bem provável que ao buscar uma transformação deste tipo encontre resistências internas já de cara. Caso encontre dificuldades em abranger uma empresa como um todo, ou grande parte dela, como líder, o primeiro passo poderia ser adotar o modelo colaborativo em sua própria área de atuação e depois ir aos poucos disseminando pela empresa conforme os resultados forem surgindo.

Esta foi só uma pitada do que é o mundo da Liderança Colaborativa no meio corporativo. Percebe como pode ser algo poderoso para as empresas e nossa sociedade? Estou ansioso para esclarecer dúvidas e trocar ideias com você!

 

Grande abraço,

José Luiz de Oliveira Junior

Compartilhe

Conheça o fundador do NCI, José Luiz e agende a sua sessão individual.

Av. Sete de Setembro, nº 4698, CONJ 2201, Batel, Curitiba

(41) 99287-4321

contato@nci.net.br

Seg á Sex de 09hrs á 18hrs